Integrantes do Grupo Quatro a Zero

Integrantes

Lucas Casacio

(bateria, percussão)

Baterista e percussionista mestrando e bacharel em música popular pela UNICAMP. Foi integrante do GRUPU (Grupo de Percussão da Unicamp), atuando como instrumentista em importantes eventos no cenário da percussão internacional tais como Dia da Percussão realizado pela PAS (Percussive Arts Society), Ritmos da Terra, 8º Encontro Nacional de Percussionistas e Mostra Internacional de Percussão. Apresentou-se em importantes festivais de música no Brasil e no exterior tais como Festival Internacional de Musica de Marrakech (Marrakech-Marrocos), Festival Brasil Instrumental de Tatuí (SP) e Festival Internacional de Música de Brasília (DF). É integrante do grupo Amanajé e participou como instrumentista dos musicais Mamma Mia e Meu amigo Charlie Brown, além de atuar em diversos projetos no cenário musical paulista.

Eduardo Lobo

(guitarra, violão, cavaco, bandolim)

Guitarrista e violonista, terminou sua graduação em Música Popular em 2003 e seu mestrado, com a dissertação “Concerto Carioca Nº 3 de Radamés Gnattali: um estudo  analítico”, em 2011, na UNICAMP. Como parte de seus estudos acadêmicos, participou em 2010 do “Music Analysis Summer School”, promovido pela Universidade de Durham (Inglaterra), onde estudou análise Schenkeriana e Teoria Neo-Riemanniana com Michael Spitzer, Julian Horton e Willian Drabkin. Este interesse pelo repertório e pela teoria de música erudita teve início durante os dois anos de aulas de violão com Henrique Pinto, na Escola Municipal de Música de São Paulo, época em que chegou a dar um recital no MASP. Durante os anos de 2008 e 2009 participou do grupo Fina Estampa, que teve seu primeiro CD “Abrideira” co-produzido por Maurício Carrilho.

Danilo Penteado

(baixo elétrico e acústico, cavaco)

Multi-instrumentista, graduou-se em Música Popular pela UNICAMP. Em 2000 participou do Bass/Nature Camp, curso ministrado pelo baixista Victor Wooten em Nashville. Em 2002 foi um dos selecionados para participar do Havana Jazz Plaza, festival de jazz realizado em Cuba. Toca piano e cavaquinho na Orquestra Mundana de Carlinhos Antunes, onde tocou com músicos de diversas nacionalidades, como Fanta Konate (Guiné), Kanchan Maradan (Índia). Com este grupo, participou de festivais na França e em Burkina Faso. Com o Fina Estampa, no qual toca cavaquinho, gravou o disco "Abrideira" com a co-produção de Maurício Carrilho.Toca baixo acústico e canta no Compay Tumbao, grupo que se dedica ao "son" cubano. É cantor, tecladista e baixista dos Sinamantes, banda que excursionou pelos Estados Unidos, Portugal e Inglaterra. Frequentemente trabalham com a conceituada Companhia Nova Dança 4, em espetáculos como "Tráfego", "O Beijo" e "E aí, vamos dançar?". Tocou com nomes como: Luiz Tatit, Ná Ozetti, Zé Miguel Wisnik, Badi Assad, Mariana Aydar, Juliana Caymmi, Paulinho Moska, entre outros.

Daniel Muller

(piano, teclado e acordeom)

Fez a graduação (2001) e o mestrado (2005) em música na UNICAMP. É arranjador e instrumentista do Conversa Ribeira, que recria a música caipira sob uma perspectiva contemporânea e que lançou seu 1º CD em 2007. O trio ganhou o Prêmio Inovação no Festival Voa Viola, foi selecionado no projeto Rumos Itaucultural 2008 e representou o Brasil em festivais de música de Portugal e do México. Integra também o À Deriva, quarteto instrumental que elabora uma música focada na improvisação coletiva e que lançou 3 CDs, “À Deriva”, “À Deriva II” e “Suíte do Náufrago”. Além disso, toca no grupo Comboio, com quem gravou o CD “Narrativas de Sobrevivência” e acompanha a cantora Rita Gullo.