Sobre o Grupo Quatro a Zero

O Quatro a Zero vem trilhando um caminho peculiar na msica brasileira. Faz uma msica instrumental que tem como principal referncia o choro, aprofundando-se na linguagem e nas sutilezas desta rica tradio musical. Ao mesmo tempo, realiza um alargamento das fronteiras deste gnero: de uma perspectiva contempornea, promove o encontro do choro com outras linguagens, produzindo uma msica original que transcende rtulos.

Seus integrantes tambm participam de outros projetos nas mais diversas vertentes musicais do jazz contemporneo msica erudita, passando por choro tradicional, msica latina, samba, msica regional, MPB e msica pop. Essa amplitude de experincias, somada s pesquisas individuais que cada um desenvolve e oferece ao demais, confere ao grupo riqueza de elementos e potencial de desenvolvimento.

A essncia da msica do Quatro a Zero est na realizao coletiva dos arranjos, que incorporam as diferentes referncias que cada msico traz ao grupo, a partir de um repertrio escolhido dentro do vasto universo do choro e que inclui tambm composies originais. A improvisao se faz intensamente presente a espontaneidade individual ganha sentido na interao criativa entre os componentes , assim como a juventude e o bom-humor o quarteto d ateno ao aspecto ldico, presente no choro desde os seus primrdios.

De seu surgimento em 2001 aos dias atuais, o Quatro a Zero vem delineando uma rica trajetria de amadurecimento e colhendo crescente repercusso. Apresentou-se mais de uma centena de vezes em mais de 50 cidades brasileiras de Porto Alegre-RS a Boa Vista-RR. Conquistou, em 2004, o 2 lugar no 7 Prmio VISA de Msica Brasileira e lanou no ano seguinte seu primeiro CD, Choro Eltrico. Em 2006 o grupo passou por uma fase de imerso na msica de Radams Gnattali que resultou num espetculo em homenagem ao centenrio de nascimento do maestro, com as participaes de Toninho Ferragutti e Rafael do Santos. No mesmo ano participou de projetos culturais importantes como o Pixinguinha, excursionando pela regio norte e o Circuito Instrumental Universitrio, apresentando-se por todo o pas ao lado do bandolinista Joel Nascimento. Em seguida envolveu-se numa profunda pesquisa a respeito do choro do interior do estado de So Paulo Memrias do Choro Paulista que resultou em seu segundo CD, Porta Aberta (2008). Com este projeto, o grupo circulou com oficinas e espetculos por todo o interior do estado. Em 2009 o grupo passou por um momento difcil com o falecimento de um de seus fundadores, o baterista e percussionista Lucas da Rosa. Com o ingresso do baterista Lucas Cascio e o apoio de muitos amigos, o grupo atravessou um perodo de reconstruo que resultou no elogiado CD Alegria, lanado em 2011 com apresentaes na Sala FUNARTE-SP, nos SESCs Campinas e Vila Mariana/SP e em SESIs do interior do estado.